Jornal Nacional | Na Coreia do Norte, Kim Jong un inicia 2018 com ameaças aos EUA

autor Revista WNews   2 weekly ago
132 puntos de vista

3 Like   0 Dislike

Coreia do Sul propõe reunião de alto nível com a Coreia do Norte

#webnewsultimasnoticiais Coreia do Sul propõe reunião de alto nível com a Coreia do Norte A decisão é uma das raras tentativas de reaproximação entre os dois países. O convite para um encontro entre representantes das duas Coreias partiu nesta terça-feira (2), da Coreia do Sul.

Kim Jong-un: Após 'Declaração de Guerra Feroz', Trump e os EUA Pagarão Caro

Em um raro pronunciamento, o líder norte-coreano Kim Jong-un disse nesta sexta-feira (horário local) que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu povo "pagarão caro"pelas “palavras excêntricas” que pregaram a destruição da Coreia do Norte. Em seu discurso na Assembleia Geral da ONU, Trump afirmou que os EUA estão prontos para a "destruição total" da Coreia do Norte, caso isso se faça necessário. Além disso, o presidente estadunidense chamou Kim de "Homem Foguete", pelo que considera uma "tática suicida" de provocações contra Washington e o resto dos seus aliados na Ásia. "Agora estou pensando muito sobre a resposta que ele poderia ter esperado quando ele se permitiu que palavras tão excêntricas tropeçassem da sua língua", disse Kim, em declarações reproduzidas pela Agência Central de Notícias da Coreia (KCNA). "Qualquer coisa que Trump possa ter esperado, ele enfrentará resultados além de suas expectativas. Eu vou, certamente e definitivamente, domar o mentalmente, perturbado e tonto [presidente] dos EUA com fogo”, continuou. No comunicado divulgado pela KCNA, Kim não deu detalhes sobre aquilo que foi descrito como o “mais alto nível de contramedida de linha dura na história”, como a nota se refere aos próximos atos da Coreia do Norte contra os EUA. Entretanto, Pyongyang e seu líder consideraram que o discurso de Trump na ONU tratou-se da “mais feroz declaração de guerra da história”, complementando em seguida estar certo de que o país asiático e a sua insistência em desenvolver um programa nuclear estão “no caminho certo”. "As observações [de Trump] me convenceram que, ao invés de me assustar ou me parar, o caminho que eu escolhi é o correto e que é ele que tenho que seguir até o final", avaliou Kim, de acordo com KCNA. "Como um homem que representa a RPDC [Coreia do Norte] e, em nome da dignidade e da honra do meu Estado e do meu povo e por minha conta, farei com que o homem que possui a prerrogativa do comando supremo nos EUA pague caro por seu discurso", concluiu Kim. Apesar dos apelos feitos pela comunidade internacional – incluindo China e Rússia – nesta semana, durante a Assembleia Geral da ONU, em Nova York, especialistas acreditam que Pyongyang prosseguirá com o seu programa nuclear e novos testes balísticos devem ser esperados até o fim do ano. Fonte: Sputnik Brasil Música Sem Royalties Baixada de: "http://www.bensound.com/" Não se esqueça de deixar o seu like, se inscrever no canal e compartilhar esse vídeo com seus amigos.

Líder da Coreia do Norte Busca Acordo de Paz com os EUA, Diz Jornal

O líder da Coreia do Norte Kim Jong-un instruiu nas últimas semanas os seus diplomatas para aumentares a pressão sobre os Estados Unidos, a fim de desistam da exigência pela desnuclearização da península, oferecendo em troca um acordo de paz. A informação foi publicada nesta quarta-feira pelo jornal japonês Asahi Shimbun, citando fontes não identificadas que possuem ligações com o regime de Pyongyang. De acordo com a publicação, Kim enviou uma “diretiva urgente” às missões diplomáticas do país no exterior durante a realização da cúpula do G20, o que aconteceu nos dias 7 e 8 de julho na Alemanha. A ideia do regime comunista era abrir um canal que pudesse levar a um tratado de paz com os EUA, repassando a Washington de maneira clara que é “impossível” que a Coreia do Norte abandone o seu programa nuclear – uma das exigências da Casa Branca. “A administração [do presidente sul-coreano] Moon Jae-in está fornecendo uma oportunidade de ouro para nós. Antes que as forças hostis provoquem uma agitação, devemos perceber o nosso dever de reunificação”, teria dito o próprio Kim, segundo o jornal. Se confirmada a informação, não está claro até o momento o formato de tal intenção de reunificação por parte de Kim Jong-un. Além disso, o jornal japonês sugere que Pyongyang possa estar buscando uma divisão entre Seul e Washington, já que o presidente norte-americano Donald Trump já se mostrou cético quanto a um possível avanço nas conversações sobre a desnuclearização da península. A reportagem surge na mesma semana em que a Coreia do Sul deixou em aberto a possibilidade de retomar o diálogo e as negociações com o vizinho do norte. A Coreia do Norte, por sua vez, ainda permanece em silêncio sobre o tema. Fonte: Sputnik Brasil Não se esqueça de deixar o seu like, se inscrever no canal e compartilhar esse vídeo com seus amigos.

SEGREDO REVELADO no CONFLITO entre ESTADOS UNIDOS e COREIA DO NORTE

Coreia do Norte diz que pode testar bomba de hidrogênio no Pacífico; Trump chama Kim Jung-un de louco Teste sobre o oceano seria de escala 'sem precedentes', segundo ministro de relações exteriores. Trump respondeu à ameaça dizendo que líder norte-coreano é 'um louco' e será 'testado como nunca antes'. A Coreia do Norte disse nesta sexta-feira (22) que pode testar uma bomba de hidrogênio de escala sem precedentes sobre o oceano Pacífico. O anúncio foi feito em Nova York pelo ministro de Relações Exteriores norte-coreano, Ri Yong Ho, que afirmou não conhecer os pensamentos exatos do líder Kim Jung- un, segundo a Reuters. A ameaça acontece dias depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que vai "destruir o país caso não tenha outra escolha", em seu primeiro discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas. A declaração do chanceler norte-coreano ocorre após Kim Jong-un fazer um pronunciamento em que classifica o discurso de Trump na ONU como “excêntrico” e promete fazer com que Trump pague caro por suas ameaças. "Seja lá o que Trump estivesse esperando, ele irá enfrentar resultados além de sua expectativa. Eu certamente e definitamente irei domar o mentalmente perturbado senil dos EUA com fogo", disse ainda, prometendo medidas "do mais alto nível", declarou o líder norte-coreano, de acordo com a agência norte-coreana KCNA. Pouco tempo depois da divulgação da última ameaça norte-coreana, Trump afirmou no Twitter: "O norte-coreano Kim Jong-un, que é obviamente um louco que não se importa em matar ou deixar sua população morrer de fome, será testado como nunca antes". Coreia do Norte diz que pode testar bomba de hidrogênio no Pacífico; Trump chama Kim Jung-un de louco Teste sobre o oceano seria de escala 'sem precedentes', segundo ministro de relações exteriores. Trump respondeu à ameaça dizendo que líder norte-coreano é 'um louco' e será 'testado como nunca antes'. A Coreia do Norte disse nesta sexta-feira (22) que pode testar uma bomba de hidrogênio de escala sem precedentes sobre o oceano Pacífico. O anúncio foi feito em Nova York pelo ministro de Relações Exteriores norte-coreano, Ri Yong Ho, que afirmou não conhecer os pensamentos exatos do líder Kim Jung- un, segundo a Reuters. A ameaça acontece dias depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que vai "destruir o país caso não tenha outra escolha", em seu primeiro discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas. A declaração do chanceler norte-coreano ocorre após Kim Jong-un fazer um pronunciamento em que classifica o discurso de Trump na ONU como “excêntrico” e promete fazer com que Trump pague caro por suas ameaças. "Seja lá o que Trump estivesse esperando, ele irá enfrentar resultados além de sua expectativa. Eu certamente e definitamente irei domar o mentalmente perturbado senil dos EUA com fogo", disse ainda, prometendo medidas "do mais alto nível", declarou o líder norte-coreano, de acordo com a agência norte-coreana KCNA. Pouco tempo depois da divulgação da última ameaça norte-coreana, Trump afirmou no Twitter: "O norte-coreano Kim Jong-un, que é obviamente um louco que não se importa em matar ou deixar sua população morrer de fome, será testado como nunca antes". Gosto muito e também indico estes vídeos: Estados Unidos e Rússia na mira dos Furacões https://www.youtube.com/watch?v=8FsJV... Irma, o maior Furacão de todos os tempos https://www.youtube.com/watch?v=FxXRw... Furacão Harvey deixa Houston desolada https://www.youtube.com/watch?v=Bl5J0... 23 de Setembro, Mega evento astronômico https://www.youtube.com/watch?v=yAn9b... A prova de vida Extraterrestre, criaturas imortais https://www.youtube.com/watch?v=X_0Mq... Criaturas e Fenômenos nos oceanos https://www.youtube.com/watch?v=HMmXW... Perguntas sem respostas pela ciência https://www.youtube.com/watch?v=yyM0r... NÃO É INSCRITO AINDA, PODE SE INSCREVER AQUI: https://goo.gl/ooYvdD 10 MONTANHAS RUSSAS MAIS PERIGOSAS E LOUCAS DO MUNDO. https://youtu.be/FhMlviw0KAY LOCAL DO IMPACTO DO ASTEROIDE 2012 TC4 SEGUNDO A NASA https://youtu.be/GYRklDobcj0 QUANDO E COMO SERÁ O APOCALIPSE? A CHEGADA DE NIBIRU? ALIENS? ASTERÓIDES? https://youtu.be/PdYcDL6-isY URGENTE ! PAPA FRANCISCO REVELA 07 PREVISÕES PARA 2017 "FIQUE LIGADO" https://youtu.be/q1hET4BhSUk Agora você já pode seguir o FIQUE LIGADO nas redes sociais: Facebook: https://goo.gl/4uFJ4p Twitter: https://goo.gl/dLHTUQ Blogguer: https://goo.gl/ELxMei Em breve também Instagram... Não deixe este canal acabar! Apoie este canal, assim podemos trazer cada vez mais conteúdos de qualidade pra você: PAYPAL: william.scarparo@hotmail.com Contatos para Trabalhos e opiniões sobre pautas: canalfiqueligadobrasil@gmail.com FORTE ABRAÇO...

A vida de família brasileira na Coreia do Norte

Fala galera! Se inscrevam no canal e curtam os vídeos! Abraço! Nosso email: pnportaldenoticias121@gmail.com Fonte: Portal Uol: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2017/09/29/a-vida-da-unica-familia-brasileira-na-coreia-do-norte.htm

'Botão nuclear está na minha mesa', disse ele. Japoneses começam o ano indo a templos; em Hong Kong festa da virada foi grandiosa.

Na passagem de ano na Ásia, os desejos de paz foram interrompidos por uma nova ameaça de guerra, que veio da Coreia do Norte.

Japonês não descansa nem no primeiro dia do ano - não que ele trabalhe, é feriado por lá. Mas o povo sabe que precisa chegar cedo a uma disputada atração.

Muita gente brinca no Brasil dizendo que no Japão o Ano Novo chega primeiro. É verdade. Mas o que pouca gente sabe é que as celebrações no Japão duram mais tempo. É que os japoneses têm compromissos nos três primeiros dias do ano: ir aos templos.

Essa primeira visita do ano é chamada de hatsumode. O clima é de festa. Tem comida típica e muita fé. Hora de fazer pedidos, desde as primeiras horas da manhã.

Os japoneses acordam cedo, porque o réveillon no país sempre é tranquilo. Na hora da virada, a concentração acontece entre orações até a chegada do novo ano, marcada apenas com o toque do sino.

Daquele lado do mundo, a Oceania recebeu primeiro 2018. Na Nova Zelândia, em Auckland, fogos de artifício saíram da mais alta torre do Hemisfério Sul. E em Sydney, na Austrália, a festa tradicionalmente ocorre no porto da cidade, com um show de cores e música.

A chegada do ano novo também foi grandiosa em Hong Kong e no prédio mais alto de Taiwan.

Na China, o destaque na queima de fogos foi a cidade de Dalian, no norte do país.

Quem mora em Pyongyang viu uma virada do ano iluminada. E na manhã do dia 1º ouviu um discurso sombrio do líder norte-coreano.

Kim Jong-un afirmou que o botão nuclear está sempre sobre a mesa dele, deixando os Estados Unidos ao alcance de suas bombas, e anunciou que, em 2018, o foco será a produção em massa de ogivas nucleares e mísseis balísticos.

Se 2018 terá as mesmas ameaças e a tensão de 2017, ir aos templos no começo do ano parece compreensível.

Comentarios para el video: